Gastronomia

20 lugares para comer em Niterói

Niterói, apesar do tamanico, é um celeiro gastronômico! Das feiras livres, passando pelos restaurantes, comidas de rua até os frutos do mar, a cidade guarda uma tradição de bem comer que nós, do Explore Niterói, fazemos questão de fomentar e dividir com vocês, amigos do blog. A comida, trocando em miúdos, é uma porta de entrada para descobrir recantos, experimentar o modo de vida do niteroiense e descobrir uma cidade encantadora. Neste aniversário de 443 anos da cidade sorriso, o nosso presente é esta lista com 20 lugares para comer em Niterói!

1. Taberna do Darwin (Engenho do Mato)

Taberna do Darwin | Foto: Divulgação/Facebook
Taberna do Darwin | Foto: Divulgação/Facebook

Comandada pelo chef Márcio Sabino, a Taberna do Darwin já foi citada como programa imperdível no NY Times e serve – somente nos fins de semana – uma comida maravilhosa, natural e com ingredientes locais, como verduras e frutos do mar. Cravada no meio do verde, a casa do chef é uma atração por si só, às margens da reserva da Serra da Tiririca.

Rua Pau Brasil, Engenho do Mato
(21) 99544-2098

2. Queen Pizzas (São Francisco)
O Queen era uma pizzaria bastante tradicional de São Francisco, com massas fininhas e crocantes, amadas por todo mundo. Há alguns anos, o grupo Paludo comprou a loja, deu uma recauchutada no ambiente, mas não mudou as receitas e o preparo das pizzas, que continuam fantásticas.

Avenida Quintino Bocaiuva, 219 – São Francisco
(21) 2714-3202

3. Steak House (Icaraí)
Sem dúvida, este é o mais tradicional reduto da baixa gastronomia de Icaraí. O Steak House já foi altos points pós night de quem está na casa dos 40/50 anos, mas ainda hoje reúne um séquito de fãs e saudosistas dos bifes, batatas fritas e chopes gelados.

R. Gavião Peixoto, 176 – Icaraí
(21) 2714-2036

4. Quilombo do Grotão (Engenho do Mato)

Quilombo do Grotão | Foto: Divulgação/Facebook
Quilombo do Grotão | Foto: Divulgação/Facebook

O Quilombo do Grotão é uma comunidade remanescente de quilombo, que promove rodas de samba, eventos culturais e uma tradicional feijoada que faz você querer passar o resto da semana hibernando!

Rua 41, Sítio Manuel Bonfim – Engenho do Mato
(21) 2709-5577

5. Gruta de Santo Antônio (Ponta d’Areia)
Conhecido, reconhecido e premiado! A Gruta de Santo Antônio é um dos mais tradicionais restaurantes de comida portuguesa da cidade, sob o comando da Dona Henriqueta Henriques e seu filho Alexandre. Não deixe de provar o bacalhau a lagareira ou o bacalhau Gruta de Santo Antônio.

Rua Silva Jardim, 148 – Ponta d’Areia
(21) 2621-5701 // (21) 2613-0762

6. Seu Antônio (Cafubá)

Camarão no coco verde, uma das maravilhas do Seu Antônio | Foto: Divulgação/TripAdvisor
Camarão no coco verde, uma das maravilhas do Seu Antônio | Foto: Divulgação/TripAdvisor

Quem diria que uma quitanda que servia PFs fosse se transformar nesta verdadeira instituição niteroiense? O sucesso do Seu Antônio é tanto que existe até um Bar da Fila, do outro lado da calçada, que serve chopes e petiscos. Os frutos do mar – com destaque para os bacalhaus, claro – são as estrelas da casa.

Rua Dr. Heleno de Gregório 312 – Cafubá
(21) 2619-2000 // (21) 2619-6584

7. Caneco Gelado do Mário (Centro)
Melhor bolinho de bacalhau da vida! Só isso! O Caneco Gelado do Mário é o boteco mais famoso da cidade, que não se rendeu à pressão dos pé limpos gourmetizados e mantém-se fiel à tradição, com sua decoração kitsch, cerveja gelada, frutos do mar e comida de boteco de verdade. Além do famoso bolinho, experimente também o pastel de siri – dos deuses!

Rua Visconde do Uruguai, 288 – Centro
(21) 2620 6787

8. Acarajé da Baiana Claudia (Icaraí)
Claudia Piton Fonseca perfuma o Campo de São Bento aos sábados, há anos, com o indefectível cheirinho do autêntico acarajé baiano. Ela já recebeu a moção de “patrimônio imaterial brasileiro”, pela Câmara Municipal do Rio, mas acredite, ela já quase foi impedida de servir o quitute em Niterói, por falta de licença, mas a prefeitura, sabiamente, revogou a decisão.

Campo de São Bento – Icaraí
(21) 98813-7435

9. Jambeiro (Ingá)
Instalado num lindo casarão histórico e tendo como quintal a praça Nilo Peçanha, o Jambeiro é daqueles restaurantes tradicionais, com garçons gravata borboleta e menu recheado de clássicos, como o medalhão com arroz à piamontese e o fetuccine gambereti, entre outros.

Rua Pres. Domiciano, 131 – Ingá
(21) 2717-7393/ 2719-9893

10. Torninha (Icaraí)
A Torninha é uma delícia! Clima de bistrô, ambiente aconchegante e caseiro, ideal para um jantar a dois. O cardápio oferece pratos da culinária italiana contemporânea e uma carta de vinhos que conta com mais de 200 rótulos.

Rua Nóbrega, 199 – Icaraí
(21) 2714-2750 // (21) 2714-5598

11. Da Carmine (Icaraí)
Niterói adotou os irmãos calabreses Carmine e Bruno Marasco, que, há anos, nos proporcionam pizzas com massa muito fina, crocante e sem exageros nos molhos e ingredientes. Os sabores originais do Da Carmine são arduamente preservados com ingredientes, às vezes, difíceis de se encontrar por aqui.

Rua Mariz e Barros, 305 – Icaraí 
(21) 3617-6109 // 3602-4988 // 3602-4943

12. 381 Burger (Icaraí)

exploreniteroi.com.br
Na minha humilde opinião, o melhor hambúrguer de Niterói.  Com sanduíches inspirados em clássicos do cancioneiro roqueiro internacional, o 381 Burger House é sucesso, traduzido em delícias como o meu favorito Light My Fire: carne bovina na crosta de pimenta preta, queijo tipo emmental, picles de pepino, molho de mostarda com melado e pão de abóbora.

Avenida Roberto Silveira, 381 – Icaraí
(21) 3254-7624

13. Marcelo Natural (Itacoatiara)
Não há melhor nas areias de Itacoaticara! Os sanduíches do Marcelo Natural, junto com o mate gelado (e o chorinho generoso!), são, para mim, a melhor opção da praia. Gosto muito do de frango com cenoura, ameixa e os onipresentes ovo de codorna e batata palha.

Praia de Itacoatiara

14. Berbigão (Jurujuba)
Salão sempre cheio, fila na porta, garçons de gravata borboleta para lá e para cá. Assim é o Berbigão, o rei dos frutos do mar, em Jurujuba. Adoro os pratos de camarão deles, como o arroz de brócolis com camarão à milanesa, risoto de camarão e bobó de camarão.

Rua Bento Maria da Costa, 1.275 – Jurujuba
(21) 2714-4555

15. Bar Itália (Charitas)
Sou fã das pizzas e antepastos do Bar Itália, que além de um cardápio maravilhoso, conta com uma programação musical, excelente, com shows de jazz, blues e rock clássico. Ah, e a decoração com objetos de demolição criam toda uma atmosfera aconchegante. É uma excelente dica de happy hour nas sextas-feiras…

Avenida Professor Silvio Picanço, Charitas
(21) 2619-8634

16. Gruta di Capri (Icaraí)
A Gruta di Capri é a mais antiga em atividade na cidade, desde 1950! Massa fofinha, recheio farto e muito queijo. A reputação da Gruta é incontestável, mas dizem que depois do banho de loja que a pizzaria tomou a qualidade já não é mais a mesma. Eu continuo gostando e você?

Rua Miguel de Frias, 37 – Icaraí
(21) 2719-6625 // (21) 2613-5177

17. Petit Comitè (Charitas)

salada morna
A chef Martha Mendes, uma das pioneiras na cidade, prepara refeições para grupos na sua própria casa, em Charitas, com menus fechados e jantares temáticos incríveis. Comida maravilhosa, ambiente agradável e convidados seletos dão o tom dos eventos organizados pela chef.

(21) 96754-5566

18. Kamilus Comidas Árabes (Icaraí)
É uma lojinha apertada dentro da galeria do Trade Center, mas tudo ali é divino, dos quibes e esfirras até os doces genuinamente árabes, maravilhosos. Um clássico!

Rua Coronel Moreira Cesar, 26 – lj-141 – Icaraí
(21) 2613-2272 // (21) 2717-8256

19. Restaurante dos Lima’s
Ele fica no início da Rua da Conceição. Nos demais dias da semana, o menu do self-service é padrão, nada demais. Mas nas quartas (e somente nas quartas!)… mmm. Eles servem uma variedade fantástica de comida libanesa tradicional!

Rua da Conceição, 24 – Centro
(21) 2621-6115 // (21) 4126-3911 // (21) 97287-3181

20. Granel (Santa Rosa)

bolinhodearroznegro
Decoração vintage, cervejas artesanais e um cardápio de tirar o fôlego, com pratos e petiscos, como o pastel de angu e o bolinho e arroz negro, o grande hit do Botequim e Armazém Granel.

Rua Vereador Duque Estrada, 50 – Santa Rosa
(21) 3629.-9629

Author: Guilherme Mattoso

Guilherme Mattoso é jornalista, pós-graduado em Ergodesign de Interfaces e em Gestão Estratégica de Marketing Digital. É entusiasta da web, trendwatching e especialista em conteúdos sobre agricultura familiar e sustentabilidade. Assina também o blog Caipirismo, com foco em temas como agroturismo, gastronomia, nova ruralidade e práticas sustentáveis.

15 Comments on “20 lugares para comer em Niterói

  1. Ontem, 6/08/2017, fomos ao Seu Antônio, no Cafubá. Estava fechado, reabrirá 24/08. Optamos então pelo Luiz Fugão, na rua al lado. Que decepção e irritação! Bobó de camarão (um dos pratos do dia) e arroz com frutos do mar. Tudo com o mesmo tempero (açafrão?), bobó de camarão sem dendê! E o pior: UMA HORA para sermos servidos (4 pessoas). Duas mesas que foram ocupadas depois da nossa foram atendidas antes e garçom riu quando reclamamos!Só nos serviram quando ameaçamos ir embora.

  2. Adorei as dicas. Confesso que não conheço alguns lugares que citou. Enfim……passarei a conhecer. Com certeza outros tantos estarão em sua próxima lista. Estou aguardando. Um abraço.

  3. Todos são maravilhosos !!!
    Guilherme se não conhece ainda , precisa conhecer o sanduíche de gallis do quiosque cheiro de Mar , incrível e com visual deslumbrante

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *