Moda & Street Style

Moda não é fútil!

                                                                                      IMG_3360 cópia

Opa, olha quem brotou de novo e agora promete que não vai sumir? Ahah

Hoje vou falar de bazar, mas não é nenhum bazar que eu visitei e sim o que inventei, o Novo de Novo Bazar!

*Por Marcelle Ferreira

Em 2015 eu saí da PUC, onde fazia graduação de Design de Moda, o mercado de trabalho não me brilhava os olhos e a fotografia não era o suficiente. Eu queria trabalhar com moda, mas a moda que eu acredito: a que todos nós amamos.

Sempre comprei muito em brechós de igreja e todo mundo me perguntava onde eu arrumava minhas roupas e quando eu falava não acreditavam, até que um dia,  fazendo a limpa no meu armário, eu pensei “nossa como eu tenho roupa que eu não uso, por que eu não faço algo útil com isso?” e ai nasceu a ideia do Novo de Novo Bazar, que é minha principal fonte de renda hoje.

IMG_3335 cópia IMG_3343 cópia IMG_3338 cópia

Mas como funciona isso? Recebo doações de parentes, amigos e até mesmo clientes. Ué Marcelle, mas ninguém se importa de doar e comprar? Na verdade não, pra ser justa e todos saírem felizes, todas as peças são novas, semi novas ou usadas custam até 10 reais! É isso mesmo, 10 míseras dilmas é o máximo que você gasta na peça que tanto quer! Mas como eu vou divulgar essa ideia? Comecei a ver minhas amigas usarem as roupas, que não faziam mais sentido pra mim e, como nelas ficavam absolutamente perfeitas, então pensei comigo, por que eu mesmo não modelo? Por que não chamo essas amigas pra modelarem? Claro que todo mundo topou, inclusive eu, e foi só lançar na internet para a primeira edição ser um sucesso! Afinal quem não quer ver meninas parecidas com você usando roupas que são acessíveis ao seu bolso?

                                                                               IMG_3342 cópia

Você não precisa vestir “o que ta na moda”, o que todo mundo usa, o que vende no shopping, o que sua família e amigos acham legal. Você tem que usar o que te faz se sentir bem, confortável, bonito. Moda nada mais é do que o reflexo da sua personalidade, humor, momentos. Não, não é fútil e sim, você fica bem feliz quando encontra uma roupa que ”foi feita pra mim”,  isso não é futilidade, mas sim a expressão da sua autoestima. Estar bem vestido, e esse parâmetro não é estabelecido pelo preço da etiqueta, é sair confiante pra onde for e ter a certeza que ninguém vai usar aquelas peças como você! Aquela velha história de que a beleza vem de dentro pra fora é a mais pura verdade, nunca deixem de acreditar nisso.

Por que eu to falando isso tudo? Porque eu acredito que todos nós podemos doar/vender aquelas roupas acumuladas, que só dão mofo e nos prendem a momentos que já não fazem mais parte do que somos hoje e como diz um rapper que eu admiro muito: “Você há de convir comigo que evoluir é mudar”.


* Marcelle é fotógrafa, designer e uma das moradoras da CasadiArte

5 Comments on “Moda não é fútil!

  1. Oi , sou de niterói e tenho roupas que poderia doar ou até mesmo trocar por peças de brecho e bazar. A maioria coisas que comprei na internet e não serviram. .. ou não gostei. O brecho está ativo? Quais dias e horários funciona? Bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *